Química

Epigeal: Definição e Exemplos – Classe Inteligente


As sementes são o início de vários tipos de plantas. Por exemplo, uma melancia grande vem de pequenas sementes. Uau, como essas pequenas sementes podem se transformar em melancias? Este processo é conhecido como germinação. A germinação é o processo pelo qual as sementes, ou seja, as sementes, se desenvolverão em plantas maduras. Existem vários fatores que afetam o sucesso da germinação das sementes, como água, oxigênio, temperatura, luz e assim por diante. Com base no tipo, a germinação pode ser dividida em germinação epígea e germinação hipógea.

Neste artigo, discutiremos os fatores que influenciam a germinação, bem como os tipos específicos de germinação epígea. Portanto, leiam até acabar, amigos!

Fator de Germinação

Para passar por essa fase de germinação, vários fatores importantes são necessários para que as sementes cresçam e germinem adequadamente. Alguns deles são os seguintes:

Água

Água suficiente é necessária para que a germinação possa ocorrer e quebrar a dormência das sementes. A dormência das sementes é uma condição na qual as sementes param de crescer em resposta a condições que não suportam o crescimento. A germinação das sementes começa pelo processo de embebição, que é a entrada de água nas sementes. A embebição quebra o tegumento e desencadeia a ativação do hormônio Giberelina no embrião. A giberelina ativará a enzima amilase para quebrar as reservas alimentares no endosperma ou cotilédones. As moléculas mais simples resultantes da quebra das reservas alimentares entrarão na via metabólica catabólica (respiração celular) para produzir energia na forma de ATP. Esta energia será enviada mais tarde ao ponto onde o embrião cresce, de forma que apóia o crescimento do embrião.

soluções de aprendizagem online da Smart Class

Oxigênio

A concentração de oxigênio apropriada é necessária para que as sementes continuem com o processo de germinação. Esta concentração de oxigénio está relacionada com a continuidade do processo de respiração celular, nomeadamente a oxidação das reservas alimentares para produção de energia. Como discutimos acima, essa energia apoiará as sementes a crescer e germinar.

Temperatura

A temperatura tem um papel importante no processo de germinação porque a temperatura afetará o trabalho das enzimas envolvidas em várias reações químicas durante a germinação, por exemplo amilase, lipase, proteinase e assim por diante. Cada enzima tem sua própria temperatura ótima, de modo que algumas plantas precisam de baixas temperaturas para germinar e outras precisam de temperaturas ligeiramente quentes para germinar.

Luz

A luz é necessária para algumas espécies de plantas para estimular o processo de germinação. Por exemplo, em plantas de alface. Com base em pesquisas, sabe-se que a luz vermelha desencadeia o processo de germinação. As plantas são capazes de responder e detectar a luz porque têm receptores chamados fitocromos.

Germinação epígea

Anteriormente já sabemos que a germinação é classificada em dois tipos, existe a germinação epígea com hipógea. A germinação epígea ocorre quando o hipocótilo se alonga, fazendo com que as plúmulas (folhas em perspectiva) e os cotilédones subam à superfície do solo. A aparência dos cotilédones acima da superfície do solo permite que os cotilédones fotossintetizem no lugar das folhas não formadas. Essa germinação ocorre no feijão verde.

Algumas informações a respeito do hipógeno, essa germinação é caracterizada pelos cotilédones que permanecem no subsolo. Exemplos de plantas que realizam germinação hipogeal incluem milho.

epigeal e hipogeal
Foto de Toraja Farmer: www.torajafarmer.wordpress.com

Essa é uma pequena informação sobre a germinação epígea. Se você acha que ainda está faltando e precisa de informações adicionais, experimente a plataforma de tutoria online que também possui produtos QUESTÃO, fornece uma variedade de questões do exame simulado para você, bem como recursos PERGUNTE que pode responder a várias perguntas sobre questões ou materiais que não foram dominados gratuitamente Smart Class.

As salas de aula inteligentes têm um sistema integrado para alunos, professores e pais, os pais podem monitorar diretamente o progresso da aprendizagem das crianças. Cada professor também foi selecionado e certamente pode ajudar as crianças durante o processo de aprendizagem.

Então, vamos experimentar o Smart Class porque você pode adquirir muito conhecimento aqui!

praticar as perguntas do Smart Class

Siga-nos e curta-nos:





Source link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo